Parecer do Comité Económico e Social Europeu sobre Crianças — vítimas indirectas de violência doméstica