Conclusões do advogado-geral Hogan apresentadas em 25 de junho de 2020$