30.9.2019   

PT

Jornal Oficial da União Europeia

C 328/76


Recurso interposto em 19 de agosto de 2019 — Leinfelder Uhren München/EUIPO — Schafft (Leinfelder)

(Processo T-577/19)

(2019/C 328/85)

Língua em que o recurso foi interposto: alemão

Partes

Recorrente: Leinfelder Uhren München GmbH & Co. KG (Munique, Alemanha) (representante: S. Lüft, advogado)

Recorrido: Instituto da Propriedade Intelectual da União Europeia (EUIPO)

Outra parte no processo na Câmara de Recurso: Thomas Schafft (Munique, Alemanha)

Dados relativos à tramitação no EUIPO

Titular da marca controvertida: Recorrente

Marca controvertida: Marca nominativa da União Leinfelder — Marca da União n.o13 975 461

Dados relativos à tramitação no EUIPO: Processo de anulação

Decisão impugnada: Decisão da Segunda Câmara de Recurso do EUIPO de 14 de maio de 2019 nos processos apensos R 1930/2018-2 e R 1937/2018-2

Pedidos

A recorrente conclui pedindo que o Tribunal Geral se digne:

Anular a decisão impugnada, na medida em que declarou a caducidade da marca da União impugnada também para produtos da classe 14 (relógios de pulso) e da classe 18 (braceletes de relógios);

Julgar improcedente o recurso de anulação no processo R 1930/2018-2;

condenar o EUIPO nas despesas;

no caso de a outra parte no processo se constituir interveniente no presente processo, condená-la nas suas próprias despesas.

Fundamento invocado

Violação do artigo 58.o, n.o 1, alínea a), do Regulamento (UE) 2017/1001 do Parlamento Europeu e do Conselho.